Thursday, July 16, 2009

O seu camarada na amizade da sua garota

Óbvio que ler a Bíblia sob a luz da lógica e da ciência é complicado. Se ainda hoje as trevas da ignorância atingem boa parte da população, imagine como era milhares de anos atrás. Então a leitura que faço da Bíblia é a seguinte: "Olha, você pode não compreender bem o que está sendo dito aqui, mas siga o que a gente diz pro seu próprio bem." É um instrumento de controle. "Tente seguir esse caminho, irmão, se não quiser passar a eternidade ardendo no inferno." Sei que não é muito simpático aos olhos dos crentes eu ficar ironizando algo que é literalmente sagrado pra eles, mas será que a gente não consegue fazer o bem sem a perspectiva de um prêmio ou castigo após a morte? "Se Deus não existe, tudo é permitido." Bullshit. Matar é errado porque desestimular esse tipo de ação é do interesse de todos, não porque a Bíblia diz. O que promove a sobrevivência da espécie é bom, o que a ameaça é ruim. A sacralidade da vida pode e deve ser defendida sob um prisma racional. O aborto, por exemplo, é errado não porque o Papa assim determinou, mas porque todos já fomos fetos e ninguém gostaria de ser assassinado. "Então a masturbação deveria também ser proibida!" Negativo, um feto se forma com a união de um espermatozóide com um óvulo. Aproveite o seu esperma o quanto quiser, mas tenha a ciência de que ao colocar o seu camarada na amizade da sua garota, um novo ser pode ser criado, com tantos direitos e potencialidades quanto você.

8 comments:

coucouchanel said...

mas veja bem o aborto poderia ser evitado na maioria dos casos e ou reciclado ajudando milhoes de doentes com o lance das celulas tronco estaminal amniotica e tumoral.. sei la.
ate acho o paparazzinger bem escroto e super gay por essa birra do vaticano contra a pesquisa e utilizo das celulas.
adoro o radicalismo das testemunhas de jeova, e' como se eles fossem os radicais socialistas das religioes ha! a verdadeira oposicao a tudo que e racional. uma embarcacao sem rumo num oceano de ignorancia...
tipo assim... as 8 da manha de domingo quando interfonam pra deixar aquelas revistinhas nojentas

o jardineiro e jesus!

sol-moras-segabinaze said...

hehehe

Vou tentar aprofundar esse assunto do sexo e do aborto nos próximos posts.

Raphael Moras de Vasconcellos said...

Talvez nem tudo que é bom para a sobrevivência da espécie possa ser aceito socialmente como certo. O que me diz dos incapacitados (alzheimer avançado, demência, etc...)?

Acredito que seja um bom mote inicial mas precisa ser aprofundado. O ser humano constrói um senso de individualidade e direitos que transcende até a sobrevivência da espécie, em alguns casos.

Ou algum cientista vai sempre descobrir que a causa única de todas as ações dos seres vivos é a de manter a espécie viva?

sol-moras-segabinaze said...

O que você está dizendo? Que essas pessoas com incapacidades físicas devem ser sacrificadas?

Há culturas que fazem isso (índios, por exemplo), mas acho que somos melhores que isso.

Se o camarada não aguenta mais viver, ele tem a opção do suicídio, mesmo que assistido. Mas ele tem que ter a palavra final, ninguém tem o direito de tomar essa decisão por ele.

rodrigo.feijao said...

seu erro, sol, é justamente não fazer o caminho inverso: ler a bíblia sob a ótica histórica - contextualizar o que está sendo dito alí nos vários períodos em que cada um dos ´capítulos´ foram escritos. esta visão de mundo na qual sua ironia está baseada não tem 50 anos. (como exemplo) aborto? num chute educado, eu diria que esta preocupação por parte da igreja deve datar, na melhor das hipóteses, do século XIV, XV, quando seres humanos passaram a ser vistos como ativos produtivos e não como bocas a serem alimentadas (sim, período da mudança da mentalidade feudal para e mentalidade burguesa). Lembrando que a bíblia foi escrita por uma minoria, não pela maioria, e se você lê "controle" naquele momento era interpretado como "liberdade". ...

sol-moras-segabinaze said...

Não entendi bem o seu ponto, Feijão, mas parece interessante. Se quiser aprofundar, fique à vontade.

A Igreja vai ao longo do tempo modificando algumas das suas posições, não? Isso me parece inevitável.

coucouchanel said...

sol, a proposito de punheta.... o papa caiu e quebrou o pulso no banheiro!!!!!!!

sol-moras-segabinaze said...

Podicrê, ninguém aventou essa possibilidade. hehe