Monday, July 20, 2009

A destruição de Sodoma e Gomorra

De tarde, 2 anjos chegaram a Sodoma. Ao vê-los, Ló se levantou e disse na segunda pessoa do plural: "Meus senhores, rogo-vos que venhais à casa de vosso servo para lavardes os pés e pernoitardes. Amanhã cedo, ao despertar, seguireis vosso caminho." Anjos merecem essa moral. "Ainda não foram dormir, quando os homens da cidade, os habitantes de Sodoma, cercaram a casa: moços e velhos, vieram todos sem exceção. Chamaram Ló e disseram: 'Onde estão os homens que vieram à tua casa esta noite? Traze-os cá até nós, para termos relações com eles'". Eita ferro! "Ló saiu à porta, fechou-a atrás de si e lhes disse: 'Por favor, meus irmãos, não façais semelhante maldade. Vede, tenho duas filhas ainda virgens. Vou trazê-las para fora. Podeis fazer com elas o que bem entenderdes; mas nada façais a estes homens, pois vieram acolher-se sob o meu teto'". Que coisa. Não que os habitantes de Sodoma tivessem o direito de violentar quem quer que seja, mas com que presteza Ló ofereceu as filhas virgens, não? Então os sodomitas "avançaram violentamente sobre Ló e já estavam para arrombar a porta. Mas os hóspedes intervieram e feriram de cegueira os homens que estavam fora." Cacildis, que bafão. Depois dos anjos orientarem Ló a sair dali com a família sem olhar para trás, "o Senhor fez então chover enxofre e fogo sobre Sodoma e Gomorra. Destruiu as cidades e toda a região, junto com os habitantes e até a vegetação do solo. A mulher de Ló olhou para trás e tornou-se uma estátua de sal." É o que dá não acreditar no Senhor, você e as leis da química vão pra cucuia.

2 comments:

Raphael Moras de Vasconcellos said...

Eles foram punidos pelo homossexualismo ou pelo estupro?

sol-moras-segabinaze said...

Acho que pelo pacote inteiro.