Wednesday, July 15, 2009

Gênesis

"Depois de ter evocado a criação do universo e do ser humano, descreve como, ao afastar-se de Deus, o homem pecou, querendo ser 'dono de seu nariz'". Está compreendido? Por querer "ser dono de seu nariz", o homem pecou. Bacana é a subserviência. "Mas depois do castigo purificador do dilúvio, fica em pé a figura de Noé, eleito para dar um novo início à humanidade." Ou seja, por querer "ser dona de seu nariz", a humanidade é aniquilada pelo Deus misericordioso, que deixa Noé como testemunha. "E quando o orgulho babélico provoca a dispersão de povos e línguas, surge a figura de outro eleito e 'aliado' de Deus: Abraão. (...) Em suma, a história dos patriarcas mostra como o homem, muitas vezes contra seus próprios planos, deve responder ao chamado de Deus e confiar no plano salvífico traçado por Deus e no dom gratuito, a 'graça', por ele proposta". Em suma, você tem que confiar no plano divino, mesmo que ele vá contra os seus próprios planos. Você vira um servo do Senhor, mas, pro redator, Deus faz isso por você "de grátis": "Olha, você é meu escravo, mas agradeça porque não vou cobrar nada por isso". Segue: "A autosuficiência, a violência, o desrespeito à vida e qualquer forma de orgulho são contrários à sua vocação. A realização dessa vocação vai ser mostrada na figura de Abraão e de seus descendentes, através da história de amizade, eleição e aliança da parte de Deus, mas também de orgulhosa rebeldia da parte do homem, devidamente 'corrigida' por Deus." Essas aspas em "corrigida" chegam a ser engraçadas, mesmo que o resultado seja trágico pro rebelde. Não compreendi bem o que a "autosuficiência" e "qualquer forma de orgulho" estão fazendo ao lado da "violência" e do "desrespeito à vida". Deus e o seu redator estão equivalendo essas coisas? Desobedecer um homem invisível é tão pecado quanto matar um homem visível?

6 comments:

rodrigo.feijao said...

sol, não estou entendendo. seus comentários em itálico não são da bíblia, mas de alguma análise dela. me explica aí... você está discordando da bíblia, da CNBB ou o que, afinal? dica: leia a bíblia primeiro, depois os comentários. afinal queremos sua opinião, não a dos outros né? se tem algo mais popular que devoto-sem-cérebro é gente que não sabe ler (que dirá interpretar) a vida ao redor.

sol-moras-segabinaze said...

Estou começando pelo início, com os comentários da CNBB, Feijão. Já chego no resto.

Tem alguma coisa errada com esses comentários?

Luiz Renato said...

"Desobedecer um homem invisível é tão pecado quanto matar um homem visível?"
Ora, matar um homem visível é desobedecer O "homem invisível".
O problema de começar a ler comentários da Bíblia antes do próprio texto é que você direciona, de partida, a leitura dela pelo caminho do comentador, sendo que o texto bíblico permite inúmeras possibilidades de interpretação.

sol-moras-segabinaze said...

Estou falando de gradações.

São pecados equivalentes?

coucouchanel said...

teve um verao que eu ate tentei ler a biblia mas nao consegui ir ate o fim.
e muita doidera no velho testamento!

sol-moras-segabinaze said...

Muita, realmente.

Mas ainda não desisti.