Sunday, June 14, 2009

Sob a maconha 4

O LIBERALISMO É O ANARQUISMO POSSÍVEL Isso não parece óbvio? Outro dia tava falando com um camarada e a namorada dele - uma menina legal e social-democrata típica - disse que achava o anarquismo mais bacana que o liberalismo que, aos olhos dela, não parecia passar de "uma defesa dos ricos". É mais ou menos por aí a objeção reinante ao liberalismo. Há uma corrente liberal radical conhecida como anarco-capitalismo que diz que a iniciativa privada produz melhores serviços que o estado em todas as áreas, inclusive na segurança. Um anarquismo liberal com o qual me identifico. No entanto, o anarquismo continua identificado com dissidências do comunismo. Mais Proudhoun que Rothbard. O argumento dos "socialistas libertários" pela descriminalização da maconha, por exemplo, está equivocado. Não é por causa da "guerra contra os pobres", é porque cada um é dono do seu próprio corpo. Caso contrário, estaríamos justificando a escravidão. Relações voluntárias assentadas na propriedade privada e não iniciação de força, as prioridades de quem defende as liberdades individuais.

1 comment:

moscaazul said...

Gente boa.