Thursday, February 25, 2010

O tipo de pensamento que me agrada 6

Greve geral contra o governo para a Grécia. Até 50 mil pessoas marcham contra medidas anticrise. Voos e serviços de ônibus são suspensos; escolas fecham. Manchete no O Globo de hoje. Curto muito essa interrupção do fluxo mental que acontece quando você pára para pensar se o "para" é mesmo no sentido de parar, obrigado reforma ortográfica. Sobre a Grécia, fica evidente que dar benefícios é mole, difícil é suspendê-los, mesmo que o preço dessas bondades com o dinheiro alheio seja a falência de um país. Veja as fotos das tais greves com suas bandeiras vermelhas de sindicatos de funcionários públicos e partidos de esquerda e testemunhe a vanguarda do atraso em ação. Nenhum problema em defender o próprio interesse, algum problema quando esse interesse é exercido às custas dos demais. O déficit grego está insustentável, mas os grevistas não querem largar o osso. O que eles propõem como alternativa ao corte de gastos? Não propõem nada, vão culpar o capitalismo e continuar com a sua revolta contra a realidade, essência mesma do welfare state, do socialismo, do estatismo, da justiça social ou do sinônimo da sua preferência.

4 comments:

Carlos Dias said...

Viva o welfare state!

sol-moras-segabinaze said...

Saudades da pelada, Carlão.

Um dia eu volto.

João said...

Falando em manchete dO Globo, viu a foto da capa hoje, que mimo?

sol-moras-segabinaze said...

É mimosidade demais pra ignorar.