Tuesday, May 18, 2010

Lacaio Neoliberal pondera

"Pesquisa aponta desinteresse dos alunos com as escolas". Começavam aquelas aulas de Química avançada e o Lacaio Neoliberal nem tentava acompanhar. Quem vai querer saber todos os zircões de números da Tabela Periódica a não ser um professor de Química ou um químico profissional? O Zircão, mineral do grupo dos nesossilicatos. Só que você tem que passar por essa via crucis se quiser fazer parte da categoria profissional tal. Tá na lei, você é obrigado a saber que o Zircão (ZrSiO4) é da família mineral dos nesossilicatos pra poder fazer parte da guilda tal. Sou mais o Zicão, fala sério. Todo o processo é artificial e autoritário, um desperdício de energia e recursos difícil de mensurar. O lance é que não percebem o problema desses incentivos e o debate se concentra na falta de dinheiro gasto no modelo. Então o fracasso é premiado com mais recursos, porque pouca gente questiona que o estado deve dar educação "grátis" e compulsória, que o currículo deve ser único e que o diploma chancelado pelo MEC é imperativo. Tão regulamentando até a profissão de DJ, daqui a pouco só vai poder dar som quem tiver a carteirinha do sindicato. (http://noticias.terra.com.br/educacao/interna/0,,OI3704994-EI8266,00.html)

3 comments:

Luiz Mário Brotherhood said...

Ordem dos músicos tá aí pra isso!
Minha banda já foi "convidada" a participar da ordem. Caso contrário, teríamos que pagar multa por tocar na noite sem "autorização" (dos ouvintes, pelo menos, a gente tem autorização).


Achei interessante, Sol, o que escrevestes sobre a grade curricular tosca que temos.
Realmente, a privatização pode ser a saída pros problemas dos estudantes, que têm que estudar uma porra que nunca vão usar - perdem tempo e trabalho.
Isso pode ser uma discussão interessante.
Será que é necessário uma pessoa saber a composição do Zircão, a categoria, e tudo mais pra saber que não quer fazer química?
Se houvesse liberdade, o mercado promoveria uma solução mais adequada?

sol-moras-segabinaze said...

"Se houvesse liberdade, o mercado promoveria uma solução mais adequada?"

Certamente. Os estatistas imaginam que se não houver uma lei obrigando as pessoas a terem aula de alfabetização, elas não vão se alfabetizar. É claro que vão, é do interesse delas e dos seus responsáveis. Outro dia li um artigo mostrando que pequenas iniciativas na Índia de escolas fora sistema estatal se saem muito melhor do que as do sistema público. Vários outros exemplos.

Anonymous said...

Jornalista não precisa ser formado. Por isso que eles escrevem ranso com S e depois são demitidos.